Família MultiEspécie é tema da Terceira Cãominhada da Diversidade durante a Parada LGBT de SP

Passeio integra 19a Feira Cultural LGBT e será dia 20 de junho, às 10h; novo trajeto pelo centro da capital paulista terá mais sombra

Pelo terceiro ano seguido, cachorros, tutores e amantes dos animais vão dominar as ruas do centro de São Paulo durante a terceira edição da “Cãominhada”. O passeio de uma hora, no dia 20 de junho, está programado para começar às 10h, com concentração às 9h, no Vale do Anhangabaú. A “Cãominhada” faz parte da programação da Feira Cultural LGBT, tradicional no calendário da semana da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo. A ação é gratuita e os participantes são convidados a doar 1kg de ração para cão ou gato. O que for arrecadado será repassado às ONGs participantes. A expectativa é que a Feira Cultural e a “Cãominhada” reúnam cerca de 100 mil pessoas durante os dois eventos.

Durante o dia, até às 15h, o evento terá ainda diversas atividades interativas e de recreação como sessões de fotos, contação de histórias, realidade virtual e plantão de dúvidas sobre direitos animais. A “Cãominhada” é uma iniciativa da Comissão de Direitos dos Animais da OAB/SP – Subseção Jabaquara, Celebridade Vira-Lata e Marcelinho Protetor em parceria com a Associação da Parada do Orgulho LGBT (APOGLBT SP). Outras ONGs e instituições independentes ligadas à causa, além dos parceiros e apoiadores também estarão presentes na feira com serviços gratuitos, degustação de produtos para pets e sorteios.

Como todo ano, a “Cãominhada da Diversidade” chama atenção para um tema polêmico, que precisa de discussão na sociedade. Desta vez é a “família multi-espécie” – formada por humanos e seus animais de estimação. O debate gira em torno da falta de reconhecimento desse novo formato familiar. “O vínculo entre humano e seu animal de estimação é comprovado cientificamente ser equivalente ao vínculo de um pai com um filho de até cinco anos de idade. Não reconhecer isso é uma violência”, afirma Luli Sarraf, fundadora do Celebridade Vira-Lata.

Para Marcelo da Silva Vieira, conhecido como Marcelinho Protetor, são os mais pobres que sentem as consequências dos animais não serem oficialmente reconhecidos como integrantes da família. “Em desocupações pela cidade, o cidadão é obrigado a abandonar seu animal porque faltam políticas públicas de inclusão de animais em atendimentos de tragédias! Em comum com a causa LGBT é que somos todos vítimas de preconceito.”

A necessidade de amparo legal para o novo conceito de família é defendida pela Comissão de Direitos dos Animais OAB/SP Jabaquara. “Com a evolução social, a lei precisa se atualizar para que os animais não humanos sejam caracterizados como sujeitos de direitos”, argumentam as advogadas Paula Bigatto e Cinthya Pimentel.

Os organizadores da “Cãominhada da Diversidade” acreditam que a ação divertida e com propósito é uma forma de criar consciência. Nada melhor do que famílias multiespécies nas ruas mostrando que elas existem! E são muitas!

A Associação da Parada do Orgulho LGBT abre espaço para outras causas que lutam por valores em comum como tolerância, respeito, aceitação e direitos. É aí que a causa animal se inspira na luta LGBT. Os direitos dos homossexuais já foram considerados algo menor, sem importância. E hoje reconhecidos ao redor do mundo. Para lembrar essa história o tema da 23ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, no dia 23 de junho de 2019, é “50 anos de Stonewall: nossas conquistas, nosso orgulho de ser LGBT+”. Foi em 28 de junho de 1969 que lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBT) frequentadoras de um bar, o Stonewall Inn, em Nova York, nos Estados Unidos, fizeram história ao resistir às agressões que sofriam e enfrentaram policiais por três dias.

Os 300 primeiros inscritos presentes participarão de sorteios de produtos para pets. A inscrição deve ser feita pelo site: bit.ly/caominhadadadiversidade

Programação:

9h00 – Concentração para a Cãominhada
10h00 – Largada
11h00 às 15h00 – Sorteios, dicas de comportamento animal, brindes, informações sobre o mundo pet, atividades para você e seu animal de estimação.

Serviço:

“3ª Cãominhada da Diversidade”
Dia: 20 de Junho de 2019 – (Quinta-feira, feriado Corpus Christi)
Horário: 9h às 15h
Local: Vale do Anhangabaú – junto a 19ª Feira Cultural LGBT
Endereço: Centro de São Paulo/SP (próximo ao metrô Anhangabaú)
Realização: OAB-SP Subseção Jabaquara/Saúde / Celebridade Vira-Lata / Marcelinho Protetor e Associação da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo – APOGLBT

Inscrições gratuitas: bit.ly/caominhadadadiversidade
Link do evento no Facebook: https://web.facebook.com/events/482983612445854/

Informações gerais para a participação da Cãominhada:

• Todos os cães devem estar com guia e coleira;
• Certifique-se de que a guia, coleira ou peitoral que ele está usando são adequados ao porte e temperamento dele;
• Coloque no seu animal plaquinha de identificação com o nome e seus telefones;
• Cães de maior potencial agressivo e animais bravos devem utilizar focinheira;
• Não esqueça de levar o “cata-cacas” para deixar o local limpo para outros usuários;
• Leve água para você e, também, não esqueça a do seu cão;
• Cães doentes ou sem vacinação não devem participar do evento.

Fontes para entrevista (solicitar contatos com Sabrina no sabrinasapires@gmail.com):
• Paula Bigatto (advogada, integrante da Comissão de Proteção e
Defesa Animal da OAB/SP – Subseção Jabaquara/ Saúde)

• Cinthya Pimentel (advogada, integrante da Comissão de Proteção e
Defesa Animal da OAB/SP – Subseção Jabaquara/Saúde)

• Luli Sarraf (fundadora do projeto social Celebridade Vira-Lata)

• Marcelinho Protetor (fundador da ONG Bichos do Gueto)

Sobre os Organizadores:

Marcelinho Protetor
Fundador da ONG Bichos do Gueto, Marcelo da Silva Vieira, protetor mais jovem do Brasil, atua em comunidades, periferias de Mairiporã e da capital paulista, com programas educacionais, mutirões de castração e resgate de animais.

Celebridade Vira-Lata
Projeto social fundado pela publicitária Luli Sarraf promoveu mais de 11mil castrações de animais em regiões carentes de São Paulo, em 10 anos de existência.

Comissão de Direitos dos Animais OAB-SP / Subseção Jabaquara
Comissão especializada em leis direcionadas aos animais não humanos. Um dos focos é o esclarecimento à população sobre como atuar em casos extrajudiciais e judiciais relacionados aos animais.

Cãominhadas Anteriores:
A parceria da Associação da Parada do Orgulho LGBT – APOGLBT de SP e os idealizadores da Cãominhada começou em 2017. A cada ano aumenta o número de participantes. A Dra Paula Bigatto (advogada, integrante da Comissão de Direitos dos Animais da OAB/SP – Subseção Jabaquara) já realizava ações beneficentes em prol dos animais desde 2014.


>> Aproveitando sua visita:

– Ajude a ONG APOGLBT SP, Associe-se!
– Curta as redes sociais da Parada LGBT de SP: Facebook / Twitter / Instagram
– Participe também do evento oficial da Parada no Facebook: Parada do Orgulho LGBT de SP 2018

Publicado por: Fabrício Viana
Fabrício Viana é jornalista (MTB 80753/SP), gay, coach, escritor premiado e responsável pela assessoria e comunicação da APOGLBT SP, ONG que realiza a maior Parada LGBT do mundo. Conheça Viana e seus livros aqui fabricioviana.com