Gay, casado e pai de dois filhos, David Miranda vai assumir cadeira de Jean Wyllys

Com 17.356 votos em 2018 na disputa para deputado federal, David Miranda publicou no Twitter em resposta a Jair Bolsonaro, presidente do Brasil, logo após a notícia da saída de Jean Wyllys que vem sofrendo ameças de vida:

“Respeite o Jean, Jair, e segura sua empolgação. Sai um LGBT mas entra outro, e que vem do Jacarezinho. Outro que em 2 anos aprovou mais projetos que você em 28. Nos vemos em Brasília”.

O Twitter, que Jair e nem ninguém esperava, bate de frente com todo o preconceito e intolerância que Wyllys vem sofrendo ao longo das suas atividades. Até o momento a publicação de David Miranda já tem mais de 82 mil curtidas, 23 mil retwitters e 5 mil comentários.

Para quem não conhece, David tem 33 anos e é o primeiro vereador assumidamente gay do Rio de Janeiro. Nascido na favela do Jacarezinho ele já foi faxineiro, office boy, panfleteiro e caixa de comércio.

Formado em Comunicação, ele é casado com o jornalista americano Gleen Greenwald há 13 anos, com quem tem dois filhos.

“Nosso desejo é que um dia todas as pessoas possam se sentir verdadeiramente amadas e respeitadas. Isso é o que mais importa. Agradeço o carinho de todos, e me comprometo a defender nossos ideais”, escreveu David em suas redes sociais.
.


>> Aproveitando sua visita:

– Ajude a ONG APOGLBT SP, Associe-se!
– Nosso evento no Facebook para 2020 foi criado: ParadaSP 2020
– Curta as redes sociais da Parada LGBT de SP: Facebook / Twitter / Instagram

Publicado por: Fabrício Viana
Fabrício Viana é o jornalista (MTB 80753/SP) responsável pela assessoria de imprensa e comunicação da APOGLBT SP, ONG que realiza a maior Parada LGBT do mundo. Para a página de Imprensa, aqui. Contato com a Diretoria da ONG, aqui. Seja um Associado/a, aqui