Nota da APOGLBT SP sobre o recolhimento de material didático por João Dória

A APOGLBT SP, ONG responsável pela maior Parada LGBT do mundo e outros eventos culturais ou de militância LGBT, vem a público expressar sua preocupação com o posicionamento tomado pelo governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB), em mandar recolher das escolas estaduais material didático que menciona o termo identidade de gênero, por considerar que se trata de uma “apologia” à “ideologia de gênero”.

Quando se abre uma discussão saudável sobre orientação sexual e identidade de gênero, explicando e educando sobre a diversidade que é humana, evitamos a desinformação, o preconceito e a LGBTfobia tão presentes em nossa sociedade.

Falar sobre identidade de gênero e orientação sexual não é fazer “apologia” à “ideologia de gênero”. Aliás, não existe “apologia” à “ideologia de gênero”. E sim, apenas o ato de explicar sobre essa diversidade para que estudantes LGBTI+ não sofram bullying dentro das escolas, bullying este que muitas vezes os levam à depressão e ao suicídio.

Pedimos que o Sr. Governador João Doria procure se informar melhor sobre essas questões, além de verificar estatísticas sobre a violência sofrida por estudantes LGBTI+ dentro das escolas conforme, por exemplo, a Pesquisa Nacional sobre o Ambiente Educacional no Brasil 2015. Pesquisa que deixa claro que 73% dos/as estudantes LGBTI+ são agredidos/as verbalmente na escola, 60% se sentem inseguros/as por serem LGBTI+ e 36% sofrem violências dentro do ambiente escolar.

Assim como diversos outros estudos e pesquisas sobre o tema e que deixam claro a necessidade urgente de uma boa educação sobre estes temas. Nós, da APOGLBT SP, não iremos admitir qualquer tipo de censura ou ditadura à educação, cultura e diversidade sexual e/ou a população LGBTI+.

A LGBTfobia existe, e mata.

Atenciosamente,

Diretoria APOGLBT SP
www.paradasp.org.br


>> Aproveitando sua visita:

– Ajude a ONG APOGLBT SP, Associe-se!
– Curta as redes sociais da Parada LGBT de SP: Facebook / Twitter / Instagram
– Participe também do evento oficial da Parada no Facebook: Parada do Orgulho LGBT de SP 2018

Publicado por: Fabrício Viana
Fabrício Viana é jornalista (MTB 80753/SP), gay, life coach, escritor premiado e responsável pela assessoria e comunicação da APOGLBT SP, ONG que realiza a maior Parada LGBT do mundo. Mais sobre Viana? Clique aqui.