A APOGLBT vem a público esclarecer que não está comercializando pulseiras para a participação nos trios que irão compor a Parada do Orgulho LGBT 2016 em São Paulo. Algumas pessoas estão se passando pela equipe da APOGLBT ou parceiros e efetivando as vendas por valores absurdos e sem nossa autorização.

A APOGLBT deixa claro que esta prática é criminosa (estelionato) e que as vítimas devem fazer um boletim de ocorrência na delegacia mais próxima.

Aproveitando a ocasião, a APOGLBT informa que o acesso aos trios é feito por convite individual á militantes do movimento LGBT, parceiros da APOGLBT e/ou instituições que lutam pela causa LGBT.

Este mesmo boletim por estelionato, deve ser feito também contra pessoas ou grupos que estejam comercializando tendas para a Feira Cultural LGBT. A pessoa responsável pela comercialização das tendas na APOGLBT é a Sra. Neusa, que pode ser contatada pelo telefone 11 3335-1040 dentro do horário comercial.

Caso tenha algum dúvida ou suspeita de fraudes, inclusive de pessoas se passando por voluntários ou funcionários da APOGLBT, querendo favores ou comercializando produtos e ou serviços, por favor, entre em contato conosco e faça sua denúncia anônima por e-mail paradasp@paradasp.org.br ou telefone 11 3335-1040.

 

Sem mais,
Atenciosamente,

Assessoria de Imprensa da APOGLBT
www.paradasp.org.br

NO COMMENTS

Leave a Reply