Nota de Repúdio sobre o chamamento público para concessão do Casarão Franco Mello

A Associação da Parada do Orgulho LGBT+ de São Paulo, repudia com veemência o chamamento público para concessão do Casarão Franco Mello.

O Casarão Franco de Melo foi destinado anteriormente ao Museu da Diversidade, quando o Governo João Doria não respeita o compromisso assumido pelo seu antecessor o Ex Governador Geraldo Alckmin, ele não está respeitando uma liderança partidária importante como também os compromissos do seu Partido PSDB com a comunidade LGBT+.

É importante a manutenção do Museu da Diversidade Sexual no Casarão Franco de Melo, pois a Avenida Paulista é um símbolo de resistência e grandes manifestações como a Parada LGBT+ de São Paulo. Lá acontecem os importantes atos em prol da democracia. Ter o Museu da Diversidade Sexual lá é garantir a preservação da história e memória do movimento LGBT+, lutar e resistir para que não seja destinado a outra finalidade é um direito nosso e um dever do Estado.

Atenciosamente,

Diretoria da APOGLBT SP
www.paradasp.org.br


>> Aproveitando sua visita:

– Ajude a ONG APOGLBT SP Associe-se!

Publicado por: Fabrício Viana
Fabrício Viana é o jornalista (MTB 80753/SP), escritor LGBT premiado e responsável pela assessoria de imprensa e comunicação da APOLGBT SP, ONG que realiza a maior Parada LGBT do mundo. Para a página de Imprensa, aqui. Contato com a Diretoria da ONG, aqui. Seja um Associado/a, aqui