O prazo para a inclusão do nome social acabada nessa quarta-feira.

Escrito por Gabriel Morais

Uma vitória contra o preconceito e a intolerância, incluir o nome social no título de eleitor se tornou possível em 2018.

Tudo isso graças ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) que no dia 22 de março decidiu que Travestis e Transexuais poderão inserir seu nome social no título de eleitor.

A grande novidade é que não precisa ter feito a mudança de sexo para a garantia da utilização do nome. A atualização do nome social e identidade de gênero está sendo feita desde o dia 03 de abril e o período para a troca do nome se encerra agora quarta-feira dia 9 de maio.

Para fazer a atualização basta você, travesti ou transexual, ir até o cartório eleitoral mais próximo, levar o documento de identificação com foto e declarar como quer ser identificado.

Simples assim.


>> Aproveitando sua visita:

– Ajude a ONG APOGLBT SP, Associe-se!
– Nosso evento no Facebook para 2020 foi criado: ParadaSP 2020
– Curta as redes sociais da Parada LGBT de SP: Facebook / Twitter / Instagram

Publicado por: Fabrício Viana
Fabrício Viana é o jornalista (MTB 80753/SP) responsável pela assessoria de imprensa e comunicação da APOGLBT SP, ONG que realiza a maior Parada LGBT do mundo. Para a página de Imprensa, aqui. Contato com a Diretoria da ONG, aqui. Seja um Associado/a, aqui