ONG promove 10ª Cinema Mostra Aids em São Paulo

Evento gratuito exibirá 14 títulos que abordam a Aids com o intuito de promover o debate sobre prevenção, acolhimento dos portadores e a quebra de preconceitos

Para colaborar e incentivar com o debate sobre o HIV/Aids no Brasil, O Grupo Pela Vidda/SP, que completa 29 anos em 2018, realizará a 10ª Edição do Cinema Mostra Aids em São Paulo, de 16 a 19 de agosto de 2018. O evento gratuito exibirá 14 títulos recentes da produção cinematográfica e audiovisual do Brasil e do mundo, que abordam o tema da Aids. Serão longas, médias e curtas-metragens que revelam várias faces dos atuais desafios do enfrentamento da Aids e das novas vivências de sexualidade, prazer e temores.

Segundo a Unicef um dos grupos mais afetados com o aumento da contaminação com o HIV são o de crianças e adolescentes, no mundo. De acordo com as estatísticas de 2016 do órgão da ONU, 37 milhões de pessoas são portadoras do vírus no mundo. Dentre elas 2,1 milhões são adolescentes. Para alcançar esse público mais jovem e promover o debate sobre prevenção e tratamento, pais, responsáveis e professores podem utilizar o recurso do cinema para introduzir o diálogo.

Além de documentários – com destaque para os que retratam o escritor Caio Fernando Abreu, o artista plástico Leonilson e o crítico Jean-Claude Bernardet há produções chamadas de “docudrama”, ou seja, representam uma história verídica com atores e encenação ficcional. E há, claro, as ficções propriamente ditas, porém menos comuns, pois ainda hoje o assunto aids parece não ser tão confortável ao cinema quanto outros temas de maior apelo ao grande público.

Com entrada gratuita e sujeita a lotação, os filmes serão exibidos no Centro Cultural São Paulo em vários horários. Com início das sessões às 15 horas, 17 horas e 19 horas, nos dias 17, 18 e 19 de agosto. No dia 16 de agosto (abertura) terá apenas exibição no horário das 19h, do filme “Para Sempre Teu, Caio F.”, filme inspirado na biografia do jornalista, dramaturgo e escritor Caio Fernando Abreu, que morreu aos 47 anos em decorrência da Aids.

Outros destaques da programação são para o filme brasileiro “Meu nome é Jacque”, que narra a vida de Jacqueline Rocha Côrtes, mulher transsexual e soropositivo ao HIV, que milita pela causa e luta pela quebra de paradigmas e preconceitos. E o curta-metragem “Positive Youtubers”. Documentário gravado online a partir da tela do computador de 4 youtubers brasileiros com HIV.

Veja a Programação completa:

16 DE AGOSTO – QUINTA FEIRA
19h – Para Sempre Teu, Caio. F

17 DE AGOSTO – SEXTA FEIRA
15h – Gazelle – The Love Issue.
17h – Strike a Pose
19h – A Paixão de JL.

18 de AGOSTO – SÁBADO
15h – Califórnia
17h – Meu Nome é Jacque
19h – Programação de curtas
1 – Horizonte de Eventos
2 – A Onda Traz, o Vento Leva
3 – O Pacote
4 – Dia 1
5 – Positive Youtubers

19 DE AGOSTO – DOMINGO
15h – Vivant!
17h – A Destruição de Bernardet
19h – Age Of Consente

Página do evento: https://www.facebook.com/events/879874282216624/

Grupo Pela Vidda/SP

O Grupo Pela Vidda/SP completa, em 2018, 29 anos de história de luta contra a aids, e mantém vivo o propósito de contribuir para a diminuição do impacto da epidemia do HIV na sociedade, por meio de ativismo, comunicação, prevenção, acolhimento e ações para a comunidade. Realizada pela primeira vez em 1997, CINEMA MOSTRA AIDS, agora em sua décima edição, é uma iniciativa do Grupo Pela Vidda/SP que visa levantar a questão da aids e promover o debate através da produção cinematográfica e audiovisual mais recente sobre o tema no Brasil e no mundo.

Serviço:

10ª Cinema Mostra Aids
Dias: 16, 17, 18 e 19 de agosto
Local: Centro Cultural São Paulo, Sala Lima Barreto
Endereço: Rua Vergueiro, 1000 – Liberdade, São Paulo – SP (ao lado do metrô Vergueiro)
Obs: Vagas limitadas e sujeito a lotação do espaço


>> Aproveitando sua visita:

– Ajude a ONG APOGLBT SP, Associe-se!
– Curta as redes sociais da Parada LGBT de SP: Facebook / Twitter / Instagram
– Participe também do evento oficial da Parada no Facebook: Parada do Orgulho LGBT de SP 2018

Publicado por: Fabrício Viana
Fabrício Viana é jornalista (MTB 80753/SP), gay, escritor premiado e responsável pela assessoria e comunicação da APOGLBT SP, ONG que realiza a maior Parada LGBT do mundo. Mais sobre Viana, aqui