Primeira turma do Transcidadania é formada como ajudante de cozinha em São Paulo.

O Transcidadania é um programa para pessoas trans de elevação escolar, profissionalização e preparação para o mercado de trabalho, oferecido pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania.

Todos os atendimentos são realizados nos quatro Centros de Cidadania LGBT localizados nas regiões Leste, Norte, Central e Sul da cidade de São Paulo. Além dos cursos, seus integrantes são encaminhados para estágios em empresas privadas ou dentro da administração pública.

No início da semana passada, 24 pessoas trans receberam o certificado de formação do 1º Programa de Formação Profissional em Assistente de Cozinha. O curso, oferecido em três semanas, teve aulas intensivas com transexuais e travestis.

Realizado no auditório do Ministério Público do Trabalho de São Paulo, a cerimônia de formatura contou com a presença do vice-procurador chefe do MPT-SP, William Bedone,da representante da OIT no Brasil, Thaís Dumet Faria, da chef Paola Carosella, da procuradora do trabalho do MPT-SP, Valdirene Silva de Assis  e da secretária municipal de Direitos Humanos e Cidadania, Eloisa Arruda.

Veja o vídeo sobre o curso:

 


>> Aproveitando sua visita:

– Ajude a ONG APOGLBT SP, Associe-se!
– Nosso evento no Facebook para 2020 foi criado: ParadaSP 2020
– Curta as redes sociais da Parada LGBT de SP: Facebook / Twitter / Instagram

Publicado por: Fabrício Viana
Fabrício Viana é o jornalista (MTB 80753/SP) responsável pela assessoria de imprensa e comunicação da APOGLBT SP, ONG que realiza a maior Parada LGBT do mundo. Para a página de Imprensa, aqui. Contato com a Diretoria da ONG, aqui. Seja um Associado/a, aqui