Série “Elite” recebe crítica homofóbica e Netflix responde com arco-íris

Elite é o seriado produzido pela TV espanhola que estreou em 5 de outubro na Netflix. Produzida pela Zeta Producciones especialmente para a Netflix e criada por Carlos Montero e Darío Madrona, sua primeira temporada tem 8 episódios com início da segunda já em produção.

O enredo é sobre a vida de três jovens que recebem bolsa para estudar em Las Encinas, instituto de prestígio na Espanha após o colapso sofrido pelo instituto anterior. Porém, um assassinato ocorre entre um dos adolescentes e daí parte toda a história teen.

E como toda a maioria das histórias teen, há personagens LGBTs. O que não se esperava é que, ao postar uma foto de um dos episódios no Instagram da Netflix onde mostram dois personagens gays, um dos comentários homofóbicos fosse respondido pela empresa de forma pró-LGBT.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

The only thing I want is to be with you. #Omander

Uma publicação compartilhada por Netflix US (@netflix) em

O usuário @judas_priest12321 escreveu “Tire essa merda do meu Instagram. Nem uma pessoa do planeta é gay. Você está forçando demais ”. E a Neflix respondeu:

“Desculpe, não pude ler o seu comentário enquanto estava rodeado por todos esses belos arco-íris”.

Veja abaixo:


>> Aproveitando sua visita:

– Ajude a ONG APOGLBT SP, Associe-se!
– Curta as redes sociais da Parada LGBT de SP: Facebook / Twitter / Instagram
– Participe também do evento oficial da Parada no Facebook: Parada do Orgulho LGBT de SP 2018

Publicado por: Fabrício Viana
Fabrício Viana é jornalista (MTB 80753/SP), gay, escritor premiado e responsável pela assessoria e comunicação da APOGLBT SP, ONG que realiza a maior Parada LGBT do mundo. Mais sobre Viana, aqui