TV Brasil lança documentário “A Maior Parada do Mundo” nesta quinta (28/6), Dia Internacional do Orgulho LGBTI+




Também nosso Twtiter e Facebook

Respeito à diversidade é uma das principais pautas no especial produzido pela emissora pública

Para refletir sobre o Dia Internacional do Orgulho LGBTI+, celebrado nesta quinta-feira, 28 de junho, a TV Brasil estreia, às 22h45, o documentário “A Maior Parada do Mundo”, produção realizada pela equipe da própria emissora pública durante a 22ª edição da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, no início deste mês.

Com 26 minutos, o documentário traça um panorama histórico e levanta aspectos contemporâneos do evento. A produção inédita resgata edições anteriores da Parada e apresenta entrevistas com participantes que defendem a causa e especialistas que pesquisam o assunto.

Considerada a maior do mundo, a Parada do Orgulho LGBT de São Paulo tem reunido milhões de pessoas nos últimos anos para lutar por respeito e exaltar a diversidade na Avenida Paulista, uma das vias mais icônicas do país.

Desde 1996, a Parada incentiva debates importantes sobre respeito às diferenças, cidadania e representatividade. São 22 anos de conquistas, superação e muita alegria, porque o fervo também é luta.

Resistência, visibilidade, garantia de cidadania, celebração, espaço de reivindicação, liberdade e ato político. São algumas das formas com que os entrevistados se referem à Parada. No documentário exclusivo, personalidades que acompanham a temática analisam os avanços e desafios da conquista de direitos.

A TV Brasil traz o depoimento do advogado Fernando Quaresma; de Cláudia Garcia, presidente da APOGLBT-SP; do gestor ambiental Nelson Pereira; da drag queen Kaka di Polly; da editora Laura Bacellar; do jornalista André Fischer; de Franco Reinaudo, Diretor do Museu da Diversidade Sexual; e da educadora Thais Azevedo.

A primeira Parada do Orgulho Gay aconteceu em São Paulo, em 1996, com cerca de 200 pessoas. Desde então, o movimento cresceu: foram aproximadamente dois mil participantes em 1997; seis mil, em 1998; e 30 mil em 1999.

A partir do ano 2000, quando atingiu a marca dos 100 mil participantes, a Parada não parou mais de crescer. Desde 2006, o público gira em torno dos três milhões de participantes. Em 2018, a 22ª parada paulista ocorreu no dia 3 de junho e teve como tema “Poder para LGBTI+, Nosso Voto, Nossa Voz”.

Dia Internacional do Orgulho LGBTI+

A data faz alusão ao episódio que ficou conhecido como Stonewall Inn, nome de um bar frequentado por grupos da comunidade lésbica, gay, bissexual, transexual e travesti (LGBT) de Nova Iorque, nos Estados Unidos. Na noite de 28 de junho de 1969, o local teve seus frequentadores presos pela polícia, levando a vários dias de protestos pela cidade norte-americana.

Ficha Técnica

Direção: Luca Bastolla
Pesquisa e roteiro: Luísa Caetano
Produção: Patrícia Souza Lima, Priscila Cestari e Vitor Chambon
Edição e finalização: Vanessa Nascimento e Mariana Velozo
Duração: 26 min.
Classificação indicativa: 16 anos

Serviço

“A Maior Parada do Mundo”
Estreia dia 28 de junho (quinta-feira), às 22h45, na TV Brasil


>> Aproveitando sua visita:

– Ajude a ONG APOGLBT SP, Associe-se!
– Curta as redes sociais da Parada LGBT de SP: Facebook / Twitter / Instagram
– Participe também do evento oficial da Parada no Facebook: Parada do Orgulho LGBT de SP 2018

Publicado por: Fabrício Viana
Fabrício Viana é jornalista (MTB 80753/SP), gay, escritor premiado e responsável pela assessoria e comunicação da APOGLBT SP, ONG responsável pela maior Parada LGBT do mundo. Mais sobre Viana, aqui



Deixe uma resposta

catorze + 20 =