Vereadora trans do PDT é excluída em propaganda sobre mulheres na política

Duda Salabert (PDT-MG), vereadora mais votada da história de Belo Horizonte, foi excluída da propaganda em homenagem às mulheres na política do Partido Democrático Trabalhista.

No vídeo divulgado no Twitter por Ciro Gomes aparecem nomes como Miguelina Vecchio, vice-presidente nacional do PDT; e Juliana Brizola, deputada pelo Rio Grande do Sul; e Isabella de Roldão, vice-prefeita de Recife. Mas mesmo com 37 mil votos que Duda recebeu, parece que isso não foi tão relevante para que ela fizesse parte da homenagem.

Erika Hilton (PSOL-SP), que também foi uma das trans mais votadas na última eleição, criticou a decisão do PDT. “A Duda Salabert foi excluída da propaganda partidária feminina do PDT na TV, mesmo sendo a vereadora + votada da história da sua cidade. Espero q os outros partidos q tem trans eleitas, inclusive o meu, não façam isso. E que nos apóiem, enquanto as votadas, nas eleições 2022″, disse em seu Twitter.

Erika ainda enfatizou que ela já participou de vídeos de seu partido e que essa crítica não era apenas sobre o PDT, mas sobre todos os partidos. Pessoas trans tem que ser lembradas sempre!


>> Aproveitando sua visita:
– Ajude a ONG APOGLBT SP Associe-se!

Publicado por: Fabrício Viana
Fabrício Viana é o jornalista (MTB 80753/SP), escritor LGBT premiado e responsável pela assessoria de imprensa e comunicação da APOLGBT SP, ONG que realiza a maior Parada LGBT do mundo. Contato com a Diretoria da ONG, aqui.