Vítima de violência ou discriminação em São Paulo? Procure um Centro de Cidadania LGBTI




Também nosso Twtiter e Facebook

Atendimento gratuito e especializado oferece apoio jurídico, psicológico e orientações sobre os serviços públicos disponíveis na rede

A Cidade de São Paulo conta com quatro Centros de Cidadania LGBTI. Os locais funcionam como pontos de orientação para a população a respeito dos serviços oferecidos na rede municipal, além de prestar apoio jurídico e psicológico às vítimas de violência LGBTIfóbica. As denúncias de LGBTIfobia podem ser feitas pelo disque 100 ou diretamente em um dos centros de cidadania.

Inaugurados em 2015 (Arouche, atual Luiz Carlos Ruas) e 2016 (Zona Sul, Zona Leste e Zona Norte), os centros atuam a partir de dois eixos:

• Defesa dos Direitos Humanos: atendimento a vítimas de violência, preconceito e discriminação com a prestação de apoio jurídico, psicológico e de serviço social, tudo com acompanhamento para realização de boletins de ocorrência e demais orientações.

• Promoção da Cidadania LGBTI: suporte e apoio aos serviços públicos municipais da região central, por meio de mediação de conflitos, palestras e sensibilização de servidores. Realização de debates, palestras e seminários.

Além das sedes fixas na Consolação, Santo Amaro, São Miguel Paulista e Parada Inglesa, quatro Unidades Móveis de Cidadania LGBTI percorrem São Paulo levando estes e outros serviços para as regiões, tornando as políticas públicas da Prefeitura de São Paulo ainda mais acessíveis para o público LGBTI.

A partir de 2017, todos os Centros também passaram a oferecer o Programa Transcidadania (antes restrito à unidade Arouche, no centro da cidade).

Com isso, passou a integrar o desenvolvimento do trabalho focado na capacitação escolar e profissional, com oferecimento de cursos, oficinas, debates e palestras, visando o desenvolvimento dos beneficiários e beneficiárias que frequentam os Centros, além de ampliar o alcance do programa.

Serviço:

Centro de Cidadania LGBTI Luiz Carlos Ruas
Rua Visconde de Ouro Preto, 118 – Consolação
Segunda a sexta-feira, das 9h às 18h
Telefone: (11) 3225-0019
centrodecidadanialgbt@prefeitura.sp.gov.br

Centro de Cidadania LGBTI Laura Vermont (Zona Leste)
Avenida Nordestina, 496 – São Miguel Paulista
Segunda a sexta-feira, das 9h às 18h
Telefone: (11) 2032-3737
centrolgbtleste@prefeitura.sp.gov.br

Centro de Cidadania LGBTI Luana Barbosa dos Reis (Zona Norte)
Rua Plínio Pasqui, 186, Parada Inglesa
Segunda a sexta-feira, das 9h às 18h
Telefone: (11) 2924-5225
centrolgbtnorte@prefeitura.sp.gov.br

Centro de Cidadania LGBTI Edson Neris (Zona Sul)
Rua São Benedito, 408 – Santo Amaro – São Paulo-SP
Segunda a sexta-feira, das 9h às 18h
Telefone: (11) 5523-0413 / 5523-2772
centrolgbtsul@prefeitura.sp.gov.br


>> Aproveitando sua visita:

– Ajude a ONG APOGLBT SP, Associe-se!
– Curta as redes sociais da Parada LGBT de SP: Facebook / Twitter / Instagram
– Participe também do evento oficial da Parada no Facebook: Parada do Orgulho LGBT de SP 2018

Publicado por: Fabrício Viana
Fabrício Viana é jornalista (MTB 80753/SP) e responsável pela assessoria e comunicação da APOGLBT SP, ONG responsável pela maior Parada LGBT do mundo. Mais informações sobre Viana, aqui.


Deixe uma resposta

12 − 9 =